Como parte da programação do curso de formação e capacitação do qual participam, os novos promotores de Justiça recém-contratados pelo Ministério Público do Estado do Acre (MPAC) visitaram na tarde desta quinta-feira, 24, duas unidades do Instituto Sócio-Educativo (ISE). A visita foi coordenada pelo promotor de Justiça Almir Fernandes Branco, da 2ª Promotoria de Justiça Especializada de Defesa de Infância e Juventude e acompanhada pelo presidente estadual do instituto, Rafael Almeida.

Segundo Almir Branco, o objetivo da visita foi conhecer a realidade do dia a dia dos adolescentes que cumprem medidas sócio educativas  nas unidades mantidas pela instituição, bem como ter acesso à situação processual dos menores que estão nesses locais.

De acordo com Almir Branco, na Unidade Santa Juliana (unidade de entrada), primeira visitada, os novos membros do MP foram bem recebidos pelos adolescentes, que apresentaram um número de dança junina aos visitantes. “Tivemos uma grata surpresa, estava havendo uma festa, os nossos colegas foram extremamente bem recebidos pelos adolescentes, pelos seus familiares e por todo o corpo técnico da unidade”, explica.

Almir Branco explica que durante a visita à ala “B” da unidade os novos promotores tiveram a oportunidade de conversar com os menores que se encontram no local. Segundo ele, foi oportunizado aos promotores de justiça que selecionassem alguns casos mais complexos para serem analisados e, de acordo com alguma eventual necessidade constatada, seja tomada a devida medida processual.

Na visita à Unidade Sócio-Educativo Acre, os visitantes  ficaram surpreendidos com a situação de melhorias encontrada. “Eu fiquei surpreendido com as melhorias verificadas. Os diretores do ISE nos mostraram outra realidade do sistema. Inclusive, com a construção, já em fase final, do centro socioeducativo do Alto Acre, em Brasileia, que eu vi as fotos, uma novidade, uma unidade altamente moderna e adequada ao projeto arquitetônico do Sinase, que é a lei que estabelece o sistema nacional de execução socioeducativa”, salienta Almir Branco, acrescentando que com a construção dessa unidade os adolescentes daquela região poderão cumprir suas medidas perto de suas famílias.

“Essa visita de hoje foi extremamente importante para a gente conhecer o sistema de internação do SINASE. Conhecemos alguns projetos sociais que são executados nessas duas unidades”, disse o promotor de Justiça Aurê Ribeiro, acrescentando que ficou emocionado durante as conversas mantidas com os adolescentes.

Antonio Kléber – Agência de Notícias do MPAC

Fotos: Jean Oliveira